Secretaria de Saúde de Ibirubá realiza Censo Vacinal da Febre Amarela no interior do município até o final de agosto

Segundo orientações do Ministério da Saúde, o Censo Vacinal da Febre Amarela deveria acontecer no mês de julho. Nota da Secretaria de Saúde do Estado do Rio Grande do Sul informou a prorrogação do Censo até o final do mês de agosto. Cerca de 1,6 milhão de pessoas vivem em áreas rurais do Rio Grande do Sul, que são os locais mais propensos para a reintrodução do vírus depois de mais de uma década.

A Secretaria de Saúde de Ibirubá (SMS), através da Vigilância Epidemiológica/Setor de Imunizações, comunica que, durante este mês de julho, as Agentes Comunitárias de Saúde estarão realizando o Censo Vacinal da Febre Amarela na população do interior do município. “Solicitamos que todas as pessoas que residem na zona rural tenham em mãos as Carteiras de Vacinação para facilitar os registros do Censo. A população alvo é todas as pessoas com idade superior a nove meses”, orientou a enfermeira responsável pelo setor, Joice Marques.

Ainda conforme instruções da Secretaria, a população, que não tiver a comprovação da dose da vacina contra a Febre Amarela, deverá comparecer a uma das salas de vacinas do município no horário de funcionamento da Unidade Básica de Saúde para receber a dose da vacina e atualizar a carteira. “Neste Censo, visamos intensificar a cobertura vacinal contra a Febre Amarela, tendo em vista casos de mortes em São Paulo, Santa Catarina e Paraná. As informações são de que o vírus tem se propagado pela área rural. Por isto, a grande importância da vacinação na população do interior neste primeiro momento”, alertou a secretária de Saúde, Dileta das Chagas.

Mais informações através do link abaixo:

https://saude.rs.gov.br/municipios-do-rs-tem-ate-final-de-agosto-para-realizarem-censo-vacinal-de-febre-amarela-nas-areas-rurais?fbclid=IwAR0Iz-Z_8cSc5SyMcz7JlJpghJzAMkS7295pC2utwyPwyF5HNfvLy6wyr7I

Magda Pimentel

Assessoria de Imprensa

imprensa@ibiruba.rs.gov.br

Administração 2017-2020