Ibirubá inaugurará o Horto Horta Comunitária no dia 20


A primeira colheita dos produtos cultivados no Horto e Horta Comunitária de Ibirubá está marcada para o dia 20/12, às 8 horas, na área localizada na Rua General Osório, ao lado da Emei Arthur Kanitz, no bairro Hermany. O convite é aberto para quem se interessar.

A Administração Municipal, através da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente, abraçou a proposição do Projeto Horto Horta Comunitária apresentada pela professora Dione Frighetto Nicolodi, que passou a trabalhar na coordenação no turno da tarde. O Projeto também conta com o apoio das entidades IFRS Campus Ibirubá, Emater local e Coopeagri.

Na busca por um local para a implantação da horta, chegou-se a uma área no bairro Hermany, de propriedade da Mitri Diocesana de Cruz Alta. “Levamos o assunto para o Padre Miguel Rosati pedindo o terreno. E o Bispo Dom Adelar e o Padre Miguel cederam à Prefeitura, sem nenhum custo, o uso da área em comodato. Inclusive, o Padre e o Bispo se mostraram interessados em estarem presentes na primeira colheita no dia 20”, informou o secretário da pasta, Olindo de Campos.

Objetivos do Projeto

Segundo a coordenadora, o primeiro objetivo é estimular a alimentação saudável, já que ali não é aplicado nenhum tipo de agrotóxico, sendo a cultura em 100% utilizando-se repelentes naturais. “Tenho certeza, de que no momento em que as pessoas provarem alimentos livres de agroquímicos, perceberão que têm menos acidez, são mais doces, mais tenros, mais saudáveis”, argumentou ela, ainda reforçando que, com um maior consumo deste tipo de alimentos, os agricultores serão mais estimulados a produzirem de forma mais natural.

Estrutura implantada

Toda a estrutura e o primeiro plantio das sementes foram disponibilizados pela Administração Municipal. “Enxergamos com muito bons olhos o Projeto, pois toda a comunidade poderá ser beneficiada”, enfatizou o secretário de Agricultura, Olindo de Campos.

A Horta está instalada num espaço de 1.000 m2 com uma estufa de sombrite vermelho, que filtra os raios solares, cercada e com irrigação. São 14 canteiros, onde estão cultivadas 48 espécies de plantas, entre folhosas, legumes, chás e temperos. Na parte externa à estufa, estão plantadas espécies de repelentes naturais, como citronela, por exemplo, que poderá ser colhida para se fazer o repelente em casa, mediante receita/formulação que será fornecida pelo Projeto.

A área em volta da estufa é grande, com sombra. “O local foi limpo pela Secretaria para permitir que as pessoas que vão usufruir da Horta tenham também um ambiente agradável para ajudarem a preservar a Horta, ajudarem a plantar e colherem os produtos para o seu consumo”, destacou o secretário.

Como a comunidade pode usufruir do Horto Horta

No local, não haverá pessoas contratadas, ou servidores da Prefeitura trabalhando. Cada pessoa da comunidade que deseja se beneficiar desses produtos deverá ser voluntária, de alguma forma, para o andamento do cultivo, seja para fazer o plantio, o manejo… “O Projeto é um exercício de cidadania, pois não terá equipe de trabalho, nem chave, nem cadeado”, informou Dione.

A voluntariedade pode ser feita de várias formas e momentos, desde a compra das sementes junto às casas agropecuárias, o plantio, o manejo, a irrigação. Com isto, as pessoas poderão colher os produtos, gratuitamente, para a sua alimentação em casa no dia a dia em qualquer momento. Proporções maiores de verduras, por exemplo, deverão ser adquiridas nos pontos de vendas normais do comércio local. “Não estamos tirando o trabalho de ninguém. O que queremos é agregar recursos para que as pessoas se estimulem neste tipo de produção, colhendo apenas o que vão precisar para o dia”, falou ela.

“Estamos lançando um desafio à comunidade para se voluntariarem a trabalhar e a ajudarem a tocar o Projeto para que todos possam se beneficiar. Hoje em dia, se as pessoas tiverem vontade de se ajudar, de viverem mais em comunidade, com certeza, terão uma vida melhor e serão mais felizes”, provocou Olindo.

As pessoas interessadas poderão buscar mais informações na Secretaria de Agricultura, à Rua do Comércio, em diagonal com a Câmara de Vereadores, telefone (54) 3324-8570. A ideia da coordenação do Horto Horta é criar um grupo de trabalho voluntário através do Whatsapp número (54) 9.9113-3213.

Magda Pimentel

Assessoria de Imprensa

imprensa@ibiruba.rs.gov.br

Administração 2017-2020